sexta-feira, 23 de janeiro de 2009

Mais uma vitória das vítimas

‘João A.' ganha processo a Pedroso
O Tribunal da Relação de Lisboa indeferiu um recurso de Paulo Pedroso contra ‘João A.', ex-aluno da Casa Pia que envolveu o deputado no processo de pedofilia da Casa Pia. O socialista acusou o jovem de difamação, devido à entrevista dada pelo mesmo à TVI no dia da sua detenção, acusando também Manuela Moura Guedes e José Eduardo Moniz.
Os arguidos não foram pronunciados e Pedroso recorreu para a Relação, que agora confirmou a decisão, considerando mesmo como credíveis as declarações do ex-aluno que garantiu ter sido abusado pelo socialista.

'O arguido apresentou a prova que lhe competia, ou seja, a única de que dispõe: o seu relato, coerente e não desmentido por prova objectiva, dos factos de que foi vítima, depoimento esse que se mostra em grande parte corroborado pela prova pericial', lê-se no acórdão a que o CM teve acesso, datado de 21 de Janeiro.

Os desembargadores concluíram que a entrevista foi conduzida por Moura Guedes com 'cuidado', que era de 'inquestionável interesse público' e que o jovem respondeu 'de forma directa e espontânea'.

Na entrevista em causa, ‘João A.' Referiu conhecer Paulo Pedroso da casa do embaixador Jorge Ritto, onde garante ter sido violado pelo ex-arguido do processo Casa Pia.

Para o advogado do jovem, Alexandre Vieira, a decisão da Relação 'é a confirmação de que ‘João A' nunca mentiu'.

1 comentário:

lurdes disse...

Então em que ficamos!!!!!!..... PEDROSO toca a devolver o dinheiro que ganhou de indemnização pago á custa dos bolsos dos Portugueses honestos.... JA.