sexta-feira, 27 de outubro de 2006

CUIDADO: MAIS UM PEDÓFILO À SOLTA!

“O principal arguido do processo de pedofilia do Parque Eduardo VII, Pedro Inverno, condenado a 19 anos de cadeia, por 54 crimes de natureza sexual com menores, dois deles da Casa Pia, foi libertado por excesso de prisão preventiva.”
Do Correio da Manhã







Tenho 3 filhos e
apesar de toda a doutrina,

De tudo quanto em nome
do Humanismo me ensinaram

Contra as penas cruéis e degradantes,
Apesar do esforço que fiz
para ser contra a pena de morte,

Não obstante ter pensado muito
e já ter mesmo
ensinado
que a
vingança deve ser monopólio do Estado,
Apesar de saber que existe o erro judiciário,
E que ninguém tem o direito
de tirar a vida a outro ser humano,

Apesar disso tudo,
a verdade é que tenho três filhos.

Que são tudo quanto tenho na vida,
O que mais amo,
O que mais temo perder.
Ora, lendo hoje as notícias,
Esmurrado pela iniquidade da libertação
De mais um pedófilo,
Condenado a 19 anos de prisão,

Bandalho que, como predador voraz,
Vai atacar de novo,
no momento oportuno -pobres crianças!
Relendo as notícias o
lhei,
Um por um, os meus três tesouros,

O maior motivo da minha existência,
E enquanto soletrei os seus nomes,
a convicção instalou-se serenamente:
Tivesse o porco tocado, um cabelo que fosse,
Num dos meus três filhos, e não haveria
No mundo e arredores,
Tribunal da Relação que lhe valesse.

Esgotada a prisão preventiva,
Oferecia-lhe a viagem definitiva.

Quanto aos códigos, engulam-nos
Os filhos da puta que os moldaram,

Porque se não servem para proteger crianças,
Não servem rigorosamente
para nada.

10 comentários:

GR disse...

Ouvi a notícia, não quis acreditar. Li-a no Diário Digital!
P.I. foi condenado a 19 anos de prisão. Em Agosto os seus advogados recorreram para a RL, tendo-lhe reduzido a pena em cinco anos. Os anos de prisão seriam 14 anos.
Oito meses após a sua de prisão, a defesa consegue libertá-lo!

Que dizer?
Será que com Souto Moura, esta situação acontecia?
Não será justo pensar assim! Mas…

Acreditei que algo estava a mudar, com a boa notícia do processo de absolvição Do Portugal Profundo. Terminou com a Vitória da Justiça.
Como eu, milhares de pessoas ficamos felizes. Retemos as lágrimas, para nos solidarizarmos com o Dr. Caldeira! A alegria emocionou-me!

Hoje a tristeza, comove-me!
Sinto fúria, raiva, ódio!
Muita incompreensão!
Nada nem ninguém me demoverá de dizer: Não há Justiça em Portugal!
Tudo está comprado! Todos se vendem!
Sabe-se que os pedófilos voltam sempre atacar!
Este pedófilo de crianças e jovens, fazendo uso de arma (um dos crimes que também foi acusado), andará nas ruas calmamente, quando menos se esperar, mais uma vítima está nas suas mãos!
A população frente à televisão, vem para a rua gesticular, gritar, condenar!
Tarde demais, é agora que todos temos que reivindicar, exigir sermos esclarecidos, do porquê das nossas crianças estarem em perigo! A populaça é também muito palhaça!
Esta situação é um problema público!
Responsabilizar os juízes que lhe deram liberdade! Os juízes são, INCOMPETENTES!
Andamos-lhe a pagar, para fazerem este trabalho?
Só agora dizem: «foi libertado porque estava preso há 30 meses sem que houvesse trânsito em julgado da decisão condenatória, ultrapassando o prazo máximo de prisão preventiva para este caso».
«Entretanto, durante a manhã de hoje (25/10/06), a defesa de Pedro Inverno avançou com um pedido de «habeas corpus» alegando «excesso de prisão preventiva», mas o pedido entregue no TRL nem sequer chegou a subir ao Supremo Tribunal de Justiça (instância competente para apreciar este tipo de pedidos), porque aquele Tribunal ordenou a libertação do arguido por terem sido ultrapassados os prazos de prisão preventiva previstos na lei».” In Diário Digital”
Há na Justiça, muita INCOMPETENCIA ou NEPOTISMO!
Que fazer?
Petições?
Grafites? Nas ruas de norte a sul, dizendo:”Juízes protegem pedofilia”
Cartas para o PGR?
Avisos para o estrangeiro, para que os turistas não tragam as suas crianças, correndo o risco de serem violadas!
Avisar os habitantes do norte, para não levarem as crianças para o sul?
É um problema público grave! O caso é demais sério!

Paulo Pedroso em 2007, volta à política activa. Sente-se injustiçado com a justiça!
Este país está num caos! Tipo bordel de 3ª categoria! Um nojo!

A Luta, agora vai ser diferente! Tem que ser activa, uma Luta consequente!

Estou desanimada, nunca desmoralizada!

A Luta Continua!

Pedro,
Que dizer!
Tem cuidado!

Toda a solidariedade!

GR

victor simoes disse...

Viva, Pedro. Força com a luta, os pedófilos tem de saber, que a justiça existe!

Um abraço

Victor Simões

http://comnexo.blogspot.com
"A Voz do Povo"

Maria disse...

Camarada e Amigo
Também fiquei chocada com a notícia.
Há coisas neste País que eu continuo a não conseguir perceber.
Nem sei muito bem no que se vai transformar o caso da Casa Pia.
O teu texto sensibilizou-me muito. Porque sei exactamente o que sentes e percebo o que serias capaz de fazer. Eu também o faria. Porque sei o que é ter um filho e deixar de ter. Porque também, há muitos anos, fui "aliciada" com uma boneca quando ia a caminho da escola, estava eu na 2ª classe.
Pensava eu que este caso estava completamente esquecido, há muito, muito tempo que não me lembrava dele, e quando saltou o caso Casa Pia todo o "filme" me veio à memória. E agora lembro-me com regularidade dessa situação.
Não sei porque acabei de escrever isto.
Podia apagar tudo, não me "despia" assim, e ficava na mesma.
Ficaria?
Para ti, Camarada, toda a minha solidariedade.
Um abraço

Paulo Sempre disse...

Jornal "tal&Qual" de 27/10/2006:
« Vem aí mais um escândalo na casa pia - miúdos denunciam funcionários e famosos».

Para os pedófilos só resta uma coisa: a repristinação das pena de «degredo» e «desterro». que têm em vista, fundamentalmente, para prevenção de reicidência e para regeneração do prevaricador,afasta-lo do meio onde praticou o delito pelo qual foi condenado, privando também as vítimas, os seus familiares e os vizinhos, da sua presença.

Abraço
Paulo

zoltrix disse...

a luta continua!

»copy and paste«
Pelo silêncio na planície pela tranquilidade em tua voz pelos teus olhos verdes estelares pelo teu corpo líquido de bruma
pelo direito de seguir de mãos dadas na solidão nocturna
lutaremos meu Amor
Pela infância que fomos pelo jardim escondido que não teve o nosso amor
pelo pão que nos recusam pela liberdade sem fronteiras
pelas manhãs de sol sem mácula de grades
lutaremos meu Amor

Pela dádiva mútua da nossa carne mártir
pela alegria em teu sorriso claro pelo teu sonho imaterial
pela cidade escravizada pela doçura de um beijo à despedida
lutaremos meu Amor

Pelos meninos tristes suburbanos
contra o peso da angústia contra o medo
contra a seta de fogo traiçoeira cravada
em nosso doce coração aberto
lutaremos meu Amor

Na aparência sozinhos multidão na verdade
lutaremos meu Amor

FILIPE, Daniel, "A invenção do amor e outros poemas", Editorial Presença, Lisboa, pp.62/3

Funes, o memorioso disse...

"Tivesse o porco tocado, um cabelo que fosse, Num dos meus três filhos, e não haveria
No mundo e arredores,
Tribunal da Relação que lhe valesse.
Esgotada a prisão preventiva,
Oferecia-lhe a viagem definitiva."


Eu faria exactamente o mesmo, caro Pedro Namora. Só que, como sabe, isso chamar-se-ia vingança. Não Justiça.

GR disse...

Não é vingança, é Legitima Defesa!
Se uma criança é molestada ou maltratada, a nossa Justiça não actuando, vamos fazer o quê! Dar pancadinhas nas costas do molestador, dizendo-lhe que ele “tem traços neuróticos e depressivos, tem tendências suicidas ou depressão profunda e grave, porque perdeu muito dinheiro”?
Compreendo que não se deva andar por aí a fazer justiça com as próprias mãos!
Mas quando tem que ser!
Por muitíssimo menos, já dei no focinho (desculpe a expressão) a um avô. Não tendo ouvido à primeira, à segunda não escapou, tendo sido levado depois pela polícia!
Aqui no norte a justiça de Fafe, por vezes tem que ser aplicada!
Tudo isto porque, a Justiça não funciona!
Pedófilo, 19 anos de cadeia e está na rua?!!!
Impossivel!
As televisões, as rádios, os jornais, escondem esta dura realidade!
Pior ainda, os partidos polítcos! Onde estão?
Será que todos temem assuntos tão delicados? Porquê???

GR

Pirate disse...

Tenho a infeliz premonição que a montanha vai parir um rato no caso Casa Pia...Esta libertação de PI não prenuncia nada de bom e faz-me duvidar que a justiça não seja mais igual para uns do que para outros. Todas as técnicas jurídicas de defesa são usadas em benefício dos mais fortes e em prejuízo dos mais fracos, daqueles que continuaram a sofrer com as feridas que nunca saram mesmo que seja feita a justiça dos homens !
É imperioso não desanimar e continuar a ter coragem e esperança, embora os sinais não sejam claros...

Dijambura disse...

Nete país funciona tudo ao contrário... este sr pratica crimes hediondos, é um homem doente que quase de certeza irá continuar a abusar de crianças inocentes e sem capacidade de defesa. Como é possivel que a lei não proteja as crianças e feche os olhos a uma possibilidade tão evidente que é a continuação deste actos por parte deste criminoso?
Que justiça esta que tanto me entristece e revolta..

Hugo disse...

Abraço Forte!

(...fiquei sem palavras...desculpa!)